Água Cervejeira

July 4, 2020

Saiba como a sua importância na fabricação de cervejas!

Tempo de leitura: 2 minutos

Conteúdo do texto:

  • Introdução 

  • Potabilidade

  • pH

  • Concentração de sais

  • Como a QuímEJ pode ajudar

Atualmente, a cerveja é considerada a terceira bebida alcoólica mais popular do mundo. Seus ingredientes incluem malte, lúpulo, levedura e o principal de todos, a água. Por analogia, a importância da água se consolida pelo fato de ela constituir mais de 90% da cerveja e poder ser responsável, principalmente, pelo gosto, cor, espuma, sensibilidade sensorial, entre outros fatores.

 

Com base nisso, torna-se considerável analisar os principais parâmetros da água cervejeira, para assim, garantir melhor qualidade em sua fabricação. Contudo, é evidente ressaltar que a água cervejeira e seus componentes variam de acordo com a região em que é encontrada, distinguindo-se uma das outras.

Para a fabricação de cerveja com qualidade devem ser considerados os seguintes critérios:

 

Potabilidade

 

Primeiro, temos que ter em mente o que é a potabilidade. A água potável é aquela que foi submetida a um processo de tratamento básico, tornando-se viável para o consumo humano, pois não possui nenhum risco de doenças ou quaisquer contaminações. 

 

A potabilidade é um indicador do estado da água e serve para evitar problemas de saúde e perdas para o produtor. Desse modo, tal processo é necessário, pois não adianta, somente, a água não apresentar sabor, cor ou cheiro, uma vez que vírus e bactérias não são vistos a olho nu. Por fim, esses parâmetros são determinados por meio de análises e pelo Ministério da Saúde.

 

Potencial Hidrogeniônico (pH):

 

O pH da água cervejeira é dependente da composição química e dos sais contidos nesta. Sua importância destaca-se para que os processos como a mostura e fervura durante a fabricação da cerveja funcionem corretamente. Portanto, para ter melhor resultado o pH da água deve estar entre 6 e 7, na mostura deve ficar entre 5,2 e 5,6 e ao longo da fervura, entre 5,10 e 5,30.

 

Os principais impactos causados pelo pH são na cor da cerveja e do mosto, nas ações enzimáticas, coagulação proteica durante a fervura e na proteção microbiológica da cerveja.

 

Concentração de sais:

 

Os sais compostos por duas partes um cátion, o íon positivo, e um ânion, íon negativo fazem parte da composição da água e reagem entre si e com os demais ingredientes utilizados na fabricação da cerveja. São eles que constituem características distintas nesta, a qual pode ser afetada diretamente no resultado final como exemplo o sabor, a cor, o estimulante dependendo da concentração de cada um deles.

 

Dentre os principais íons estão o cálcio, magnésio, cloreto, sódio, sulfato e zinco.

 

Como a QuímEJ pode me ajudar? 

 

Assim, vemos que todo o desempenho de uma boa cerveja, depende da água contida nelas e suas propriedades. Você sabia que a QuímEJ pode te ajudar em todos esses fatores? Fazemos os mais variados tipos de analises de água e podemos auxiliar na obtenção de todos os parâmetros necessários para a produção de sua cerveja.

Quer conhecer mais sobre a Empresa Júnior, como funciona e o que fazemos? Leia os outros artigos do blog, neles estão incluídas todas as nossas áreas de atuação, principalmente em análises químicas diversas, como de água (para saber a sua potabilidade também) e minerais.

 

Tem interesse em abrir um negócio de cervejas ou dar um up no seu? Entre em contato com a nossa EJ e marque uma consultoria, que assim, poderemos auxiliar na sua produção de todas as formas possíveis dentro dos nossos recursos.

 

 

 

 

Fontes: Hominilupulo; Cerveja e malte; Ocaneco; BRK Ambiental;

 

 

 

Please reload

Recent Posts
Please reload

Join My Mailing List
ENDEREÇO

Av. João Naves de Ávila, 2121

Bloco 5I - Piso Inferior

Universidade Federal de Uberlândia

Uberlândia-MG

​​

TELEFONE

Tel: (34) 98879-9676

E-MAIL
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now